VEGETATION, URBANIZATION, AND BIRD RICHNESS IN A BRAZILIAN PERIURBAN AREA

Bruno Florio Lessi, José Salatiel Rodrigues Pires, Augusto Florisvaldo Batisteli, Ian MacGregor-Fors

Abstract


ABSTRACT ∙ Birds have received special attention in urban areas. Due to their conspicuousness and quick response to habitat changes, they perfectly fit the requirements as a bioindicator group. In this study, we assessed the relationships between urbanization intensity and vegetation characteristics and bird richness in greenspaces of the Federal University of São Carlos, São Paulo, Brazil. We found a significant positive relationship between exotic tree abundance and maximum tree height, and bird species richness; but no interaction effect between exotic tree abundance and maximum tree height. The results of this study suggest that the size and resources provided by trees are affecting bird richness in our study site. Although many of the resources (e.g., flowers, fruits, nesting sites) are provided by exotic plants in our study site, native ones were clearly underrepresented. Given the negative effects that exotic plant species can have on ecosystems, it is crucial to consider planting alternative native species that can offer resources similar to those currently available through exotic ones.

RESUMO ∙ Vegetação, urbanização e riqueza de aves em uma área peri‐urbana Brasileira As aves tem recebido uma atenção especial em áreas urbanas por serem facilmente detectáveis e responderem facilmente às mudanças de habitat, enquadrando‐se perfeitamente como grupo bioindicador nesses ambientes. Neste estudo foram avaliadas as relações entre a intensidade da urbanização e as características da vegetação das áreas verdes e a avifauna da Universidade Federal de São Carlos, São Paulo, Brasil. Foi encontrado uma relação positiva entre a riqueza de espécies de aves e a abundância de árvores exóticas e altura máxima das árvores, mas nenhuma interação entre a abundância de árvores exóticas e altura máxima das árvores foi registrada. Os resultados deste estudo apontam que a quantidade de recursos oferecido pelas árvores e o tamanho delas afetam diretamente a riqueza de aves na área estudada. Muitos dos recursos (ej. flores, frutos, locais de nidificação) são fornecidos por plantas exóticas, pois as nativas estão sub‐representadas na área. Levando‐se em conta os efeitos negativos que as espécies exóticas podem exercer sobre os ecossistemas, é fundamental considerar espécies nativas alternativas que possam oferecer recursos semelhantes aos atualmente disponíveis através das espécies exóticas.


Keywords


Avian richness; Biodiversity; Exotic species; Trees; University campus; Urban ecology

Full Text:

PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.